Pensamentos em Semiótica: Canção, Educação e Tecnologia

R$50,00

Pensamentos em Semiótica: Canção, Educação e Tecnologia.

Série Texto Livre: Pensemeando o Mundo. Tomo 3

Autora: Ana Cristina Fricke Matte

ISBN: 978-85-7993-786-6
Pedro & João Editores, 2019, 340 p.

Descrição

“Texto Livre: Pensemeando o Mundo” é uma coleção que busca explorar a fundamentação teórica e filosófica que norteia todos os trabalhos iniciados no grupo Texto Livre, do ponto de vista de sua fundadora. Não é o único ponto de vista, o Texto Livre é multifacetado e tem lugar para muitas teorias e projetos, desde que condizentes com sua filosofia de trabalho, tal como se busca aqui apresentar e embasar.

Este terceiro livro da Coleção traz para o palco novamente o olhar semiótico, de forma mais contundentemente marcado Texto Livre: pensemeando o mundo pela interdisciplinaridade, com múltiplos objetos e várias facetas unindo diferentes teorias à pesquisa semiótica. Não parece que haja uma forma mais adequada para falar da trajetória de pesquisa da autora, cuja preocupação com o “como” a leva a olhar para tudo com grande interesse.

Este livro, Pensamentos em Semiótica, Canção, Educação e Tecnologia, buscou, dentre todas, as facetas mais distantes entre si para dar uma ideia da totalidade deste escopo vário, mas jamais fragmentado.

Apresenta aqui trabalhos de diferentes fases da sua pesquisa não de forma cronológica, mas buscando nelas as principais contribuições da interdisciplinaridade para o trabalho atual na CiberSemiótica, com tecnologias livres.

Certas premissas que a Semiótica carreia consigo, talvez nem tenham sido ainda suficientemente estabelecidas, e algumas delas possivelmente já deixaram de ser, motivo pelo qual se faz importante lembrar o sustentáculo teórico do modo de fazer pesquisa que resultou nestas páginas.

A principal premissa assumida pela autora para realizar pesquisas interdisciplinares vem da observação de trabalhos acerca de música, canção e artes visuais, realizados por semioticistas estrangeiros e brasileiros, os quais, muitas vezes, deixam o trabalho com o plano de expressão para teorias já tradicionais da área do objeto. Isso se explica visto que a Semiótica dedicou suas primeiras décadas ao estudo do Plano do Conteúdo. Os estudos sobre a Canção, no entanto, surgem da suspeita de haver uma organização da expressão que não poderia ser contemplada como uma simples junção de duas linguagens: a linguagem sincrética não é uma soma, é uma terceira linguagem.

Pensamentos em Semiótica: Canção, Educação e Tecnologia Diante disso, a autora optou por buscar em teorias dedicadas ao tipo de objeto e com resultados consolidados, tais como a fonética acústica para o estudo da fala, sem deixar de observar como parte essencial da semiose seu Plano da Expressão. Há vários momentos em que separar por completo a análise semiótica da análise realizada em outros escopos teóricos foi a forma mais produtiva e científica de lidar com a interdisciplinaridade. Há outros em que semiotizar e ser afetado pela outra teoria foi a melhor maneira de mostrar os efeitos do sincretismo. Assim, respectivamente, ora vamos assistir à autora realizando uma cientificidade mais voltada ao campo das Exatas, ora mais voltada ao campo das Humanas. Parece adequado, nesse caso, entrever em algumas análises uma posição interdisciplinar e, noutras, uma posição efetivamente transdisciplinar.

Desejo a todos uma leitura agradável e inspiradora de novos caminhos em direção a um mundo livre, a ser construído por todos nós.

Informação adicional

Peso 0.3 kg
Dimensões 25 × 20 × 5 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Pensamentos em Semiótica: Canção, Educação e Tecnologia”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *